Pesquisar neste blog

domingo, 4 de fevereiro de 2018

Grupo de jovens do Córrego comemora 34 anos de história

O Grupo de Jovens do Córrego São Pedro - GRUJOSP, foi fundado em 02 de fevereiro de 1984 por 12 componentes. Na ata de fundação do grupo consta o seguinte texto: "Idalcí que em conversa com 04 moças que era de Fortaleza, disseram a ela, que era do grupo de jovens, que eram muito importante um na comunidade. Idalci e Elisomar chegando à capela que vinha da casa de Francisco Vieira de Souza, em procissão do Santo Antonio que foi doado as Capela, por família Galdino, convidaram pessoas para um grupo de jovens. No outro dia Elizomar fala com o Padre Theodoro que tinha feito um levantamento de 12 pessoas para um grupo de jovens, o padre disse que ótima ideia a comunidade precisa". 

O GRUJOSP possui em média 20 componentes ativos e reuni-se semanalmente no centro comunitário do Distrito de Córrego. Mas já passaram pelos quadros do grupo 216 pessoas, onde 116 são mulheres e 100 homens.

Quem passou pelo grupo teve a oportunidade de aprender a conviver coletivamente sobre os mais diversos temas que da juventude: religião, cultura, modo de vida, entre outros, o que de alguma forma serviu para formar a sua identidade. 

Ao longo da história 118 pessoas que passaram pelo grupo hoje estão casadas, 90 solteiras, 2 viúvas e 06 são falecidas. 89 componentes foram morar em outras comunidades, mas 101 permanecem na região onde nasceram. 

O grupo também foi embrionário na luta social, pois 54 desses ex componentes também se associaram na Associação de Mini Produtores de Córrego - AMPC e 31 na Cooperativa Potiguar de Apicultura - COOPAPI. Um fato interessante: todos os diretores atuais da COOPAPI hoje são formados por ex componentes do GRUJOSP. Isso mostra a importância social que esse grupo tem na história do movimento social do município. 

Hoje, o grupo comemora 34 anos de existência e vem agradecer a Deus por todas as bênçãos alcançadas pelo grupo e pelos componentes ao longo de nossa história.
Abaixo algumas fotos que retratam um pouco dessa história
Construção do centro comunitário (1984)
GRUJOSP na Capela de São Pedro
Grupo na casamento de Antonio de Joca e Graça (ex componentes) 1987
GRUJOSP em 2013
GRUJOSP em 2013
GRUJOSP em 2017

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Alunos surdos na sala de aula regular e as dificuldades dos professores

A dificuldade de lecionar sem conhecer a Língua Brasileira de Sinais - Libras e a cultura da comunidade surda ocasiona falhas de comunicação entre professores e alunos com deficiência auditiva e consequentemente o aprendizado desses no ambiente escolar. O foco do trabalho foi analisar as dificuldades encontradas pelos professores da sala de aula regular, que lecionam para uma aluna surda, em Apodi. Ela participa das aulas de libras na Sala de Recursos mas os professores não dominam a língua. Como resultado, além da oferta de libras na escola para alunos tona-se necessário a criação de políticas de formação para toda a comunidade escolar visando conhecer a língua para poder buscar conhecer a língua para aproveitá-la dentro da dinâmica de produção e melhoria no processo ensino-aprendizagem.


Trabalho publicado no IV Congresso Nacional de Educação - CONEDU, ocorrido em João Pessoa -PB
Autores: Antonio Caubí Marcolino Torres, Rusiane da Silva Torres, Tília Galgane de Oliveira Freire, Maria Adriana de Souza e Maria Rosineide Torres Marcolino

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Preferência de Aphis craccivora, Koch por variedades locais de feijão-de-corda oriundas de Pentecoste, Ceará

Dissertação: Preferência de Aphis craccivora, Koch por variedades locais de feijão-de-corda oriundas de Pentecoste, Ceará.
Autor(a): Antonia Débora Camila de Lima Ferreira
Curso: Programa de Pós-Graduação em Agronomia / Fitotecnia
Instituição: Universidade Federal do Ceará - UFC
Publicação: 2015
Fonte do artigo: Repositório UFC

domingo, 28 de janeiro de 2018

Educação e marginalidade: reflexão necessária para uma prática pedagógica de superação

Artigo: Educação e marginalidade: reflexão necessária para uma prática pedagógica de superação
Autor: Antonio Rosembergue Pinheiro e Mota




sábado, 27 de janeiro de 2018

Qualidade fisiológica de sementes de gergelim em função da adubação orgânica, posição dos frutos e da deficiência hídrica em diferentes fases fenológicas.

Dissertação: Qualidade fisiológica de sementes de gergelim em função da adubação orgânica, posição dos frutos e da deficiência hídrica em diferentes fases fenológicas.
Autor(a): Ronimeire Torres da Silva
Curso: Programa de Pós-Graduação em Agronomia / Fitotecnia
Instituição: Universidade Federal do Ceará - UFC
Publicação: 2015
Fonte do artigo: Repositório UFC

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Aventureiros espaciais: estudo sobre o sistema solar no Ensino Fundamental Menor com o uso de revista em quadrinhos

Dissertação:  Aventureiros espaciais: estudo sobre o sistema solar no Ensino Fundamental Menor com o uso de revista em quadrinhos.
Autor(a): Pedro Neri Bandeira de Souza
Curso: Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física
Instituição: Universidade Federal Rural do Semiárido - UFERSA
Publicação: 2016
Fonte do artigo: UFERSA

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Práticas, espaços e estratégias de leitura em escolas do Ensino Fundamental

Dissertação:   Práticas, espaços e estratégias de leitura em escolas do Ensino Fundamental.
Autor(a): Maria da Natividade Marinho Câmara
Curso: Programa de Pós-Graduação em Ensino - PPGE
Instituição: Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN
Publicação: 2016
Fonte do artigo: Plataforma Sucupira

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Iniciação científica no Ensino Médio: saberes necessários à formação na Educação Básica.

Dissertação:  Iniciação científica no Ensino Médio: saberes necessários à formação na Educação Básica.
Autor(a): Maria Francilene Câmara Santiago
Curso: Programa de Pós-Graduação em Ensino - PPGE
Instituição: Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN
Publicação: 2016
Fonte do artigo: Plataforma Sucupira

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Conheça um pouco da tradicional Feira Livre de Apodi - TCM Notícias



Fonte: TCM Notícia Dia 22/01/2018

O sujeito professor e sua história: um olhar sobre si

Dissertação: O sujeito professor e sua história: um olhar sobre si.
Autor(a): Gessione Morais da Silva
Curso: Programa de Pós-Graduação em Ensino - PPGE
Instituição: Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN
Publicação: 2017 
Fonte do artigo: Plataforma Sucupira

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Trajetórias de sucesso escolar de pessoas oriundas de escolas do campo

Dissertação: Trajetórias de sucesso escolar de pessoas oriundas de escolas do campo
Autor: Francisco de Assis Marinho Morais
Curso: Programa de Pós-Graduação em Ensino - PPGE
Instituição: Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN
Publicação: 2017 
Fonte do artigo: Plataforma Sucupira

Envie sua dissertação ou tese para nosso blog

Olá. Quer divulgar sua tese ou dissertação aqui no nosso blog?
Só clicar no link abaixo e nós publicaremos para você
Clique aqui - https://goo.gl/fQmCV5

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Quer alugar casa no carnaval 2018 em Apodi?



O blog tudodeapodi.com disponibiliza um serviço de cadastro de imóveis para alugar no carnaval 2018, sem interferência de terceiros. Faça você mesmo sua negociação!

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

João Fiscal


João Jacinto de Souza, conhecido por todos como “João Fiscal” nasceu na cidade de São José de Mipibu/RN no dia 18 de junho de 1944, filho de Angelo Jacinto de Souza e Maria Paiva de Souza. Mudou-se para a cidade de Apodi, no interior do Rio Grande do Norte no ano de 1967.

Foi casado com Maria Dalvani Cavalcante de Souza(Dalvinha), com quem teve três filhos: Hudemberg Cavalcante, Kleberson Cavalcante e Herika Cavalcante. Posteriormente em outras uniões afetivas deixou como filhos, Ângelo Suassuna(vereador de Apodi) e Kayane de Souza.

João Fiscal trabalhou como comerciante, tinha uma casa de rações e produtos veterinários, foi agricultor no Vale e na Chapada do Apodi, era um incentivador do futebol de campo na década de 70.

Um dos baluartes do PMDB, sempre esteve ao lado de Dr. Pinheiro em todas as campanhas, participando ativamente da vida política de Apodi. Exerceu o cargo de secretário municipal nas pastas de Obras e Urbanismo, e de Agricultura, na gestão do prefeito José Pinheiro Bezerra.

João Fiscal foi um dos primeiros maçons da Loja Maçônica Vale do Apodi, além disso, tinha uma grande paixão pela vaquejada do município. Atuou como fiscal do Departamento de Estradas e Rodagem do Rio Grande do Norte – DER/RN.

Um dos seus pontos fortes era a lealdade no trato com as pessoas e generosidade com os que conhecia. Faleceu em sua terra natal nas primeiras horas do dia 2 de janeiro de 2006, vítima de um infarto no miocárdio. 

sábado, 23 de dezembro de 2017

Nita Fernandes - professora


FRANCISCA FRANCINETE FERNANDES MOTA popularmente conhecida por "Gisonita" ou "Nita", nasceu  no dia 25 de novembro de 1953,  no Sítio Malhada Vermelha, no município de Severiano Melo/RN, sendo a filha caçula dos comerciantes apodienses Emídio Dias(sapateiro), e Joana de Paiva(dona de um restaurante). Nita cresceu ao lado dos irmãos Aurino, Altino, Aldeci, Altiva e Altivo.

Começou seus estudos na Escola Estadual Ferreira Pinto na cidade de Apodi, e concluiu o segundo grau no Colégio Nossa Senhora das Vitórias na cidade de Assú/RN, onde fez o magistério. 

Iniciou sua carreira como professora no Projeto MOBRAL(Movimento Brasileiro de Alfabetização), ensinando nas comunidades rurais e em fábricas da região: a cerâmica de Seu Chico Paulo e as craeiras de Seu Altino Dias. Na década de 70, começou a ensinar na Escola Ferreira Pinto, e nos anos 80, na rede municipal de ensino. Nita foi Rainha do carnaval de Apodi nos anos 60, foi também cabeleireira onde fazia penteados. 

Foi mãe de três 3 filhos, o primeiro em 1973: Kleber Perazzo Fernandes, fato este que a impediu de concluir seu nível superior, já que tinha de cuidar do filho e ao mesmo tempo trabalhar. Em 1982 casou-se com o radialista Luciano Rodrigues de Carvalho(que era irmão da sua cunhada Morena, casada com seu irmão Aldeci Dias), com quem teve dois filhos: Maria dos Anjos de Carvalho e Luciana Rodrigues de Carvalho.

No ano de 1998 foi transferida para trabalhar como professora no CAIC de Parnamirim e em seguida foi coordenadora do primário na Escola Estadual Augusto Severo no centro de Natal/RN. 

Pessoa querida e admirada por todos, a professora Nita faleceu em Apodi no dia 06 de dezembro de 2008, e  foi sepultada no Cemitério Parque da Saudade nesta cidade. 

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Soledade de posse da Nova diretoria da AAPOL

Foto e texto copiado do blog Correio do Oeste


A escritora Vilmaci Viana é eleita a nova presidente da AAPOL em solenidade bastante prestigiada pela sociedade apodiense. Confira alguns clicks dessa noite memorável feitos por Wanda Ellen.